sábado, outubro 29, 2016

Do outono...

O outono enche-me e aquece-me a alma, pelas suas cores, pela sua luz... É tempo de renovação de nos desprendermos do que não queremos levar adiante, de deixar os fardos para trás e prosseguir com o que realmente interessa.
Gosto tanto de dar passeios matinais ou ao final da tarde antes de escurecer. Gosto tanto de sentir o outono.







Podem seguir-me no instangram

segunda-feira, outubro 24, 2016

Apetece-me



Apetece-me regressar aos poucos.
Apetece-me voltar a ter mão no meu tempo. A gerir e a ocupar com coisas/momentos que realmente me interessam e me deixam feliz.
Apetece-me parar na rua para sentir a chuva, olhar as cores de outono, ver os cogumelos que despontam, colher folhas outonais magicamente pintadas, apetece-me voltar a aguarelar.
Apetece-me parar no tempo, caminhar ao som do vento, libertar-me desta ânsia que trago no peito.
Apetece-me voltar a pegar nos meus antigos projectos, e voltar a sonhar com tantos outros.
Apetece-me voltar a tricotar, costurar, bordar.
Apetece-me ter mais convicção e acreditar de que sou capaz.
Apetece-me olhar fixamente nos teus olhos...
Apetece-me a calma de um abraço
Apetece-me e quero muito ser feliz!

domingo, outubro 02, 2016

Adeus setembro! Olá outubro!

Entrei no mês de setembro com a notícia  de que tinha obtido uma menção no Top 3 no concurso da Scrap N' challenge. Fiquei radiante. Recebi de prémio um carimbo digital bem bonito. A ver se ainda consigo participar já na edição de outubro, com a tematica do Halloween.
De resto foi um mês que passou de fugida, embrenhada nas minhas rotinas, com a sensação de que não consegui descansar o tempo suficiente nas férias, de que queria ter feito e de que poderia ter feito muito mais do que fiz. Ficou assim uma espécie de vazio... Acho que não me despedi do verão.

Entro no mês de outubro com vontade de travar as minhas próprias lutas e de conseguir voltar às minhas metas. a ver vamos se é desta que consigo.

Deixo-vos algumas das tags que realizei utilizando técnicas de scrap:




quinta-feira, agosto 18, 2016

Anything Goes - a minha participação no Scrap N' Challenge


Decidi participar com este postal que criei no passatempo "Anything Goes".


quarta-feira, agosto 17, 2016

Memories - Album

 Um novo projecto.
Gostava de poder transmitir em palavras o quanto é gratificante criar um álbum a partir de papel. Ver brotar algo assim de simples folhas de papel deixa-nos de coração cheio.



Podem ver mais fotos aqui

segunda-feira, agosto 15, 2016

Sou uma beachcombing!

 Ao ler um artigo sobre uma equipa de voluntários para realizarem a reflorestação do país (da qual estou a pensar seriamente em tornar-me voluntária também) vim a descobrir um artigo sobre pessoas que recolhem pequenos achados na praia (seixos, conchas, búzios, vidros do mar...). A esta actividade naturalita dá-se o nome de beachcombing. E eu sem saber sou uma beachcombing desde que me conheço! Sempre gostei muito de palmilhar a praia de lés a lés em busca de pequenos achados que para mim são verdadeiros tesouros.

sábado, agosto 06, 2016

Nada de novo mas quem sabe algo a colocar em prática no orçamento familiar



Uma lata mealheiro das fechadas ou o tradicional porquinho de barro, para não se cair em tentação.

Uma quantia definida com o orçamento de cada um por mês. Se há crianças devem colocar metade do valor que estão a depositar. Ou seja se colocar 10 euros mensais, deverá colocar mais 5 euros.
Já pensou que basta colocar um euro por dia, que são logo 365 ou 366 euros?

No fim haverá um pequeno quinhão para umas férias, um fim de semana prolongado em família ou outra coisa qualquer que desejem muito.

Eu e o meu mundo de papel.

Tenho aproveitado estes dias em que o tempo flui naturalmente sem pressas, sem horários. Se bem que noto que meia volta escapa-se por entre as mãos. Para explorar novas técnicas e dar asas aos meus ensaios mais técnicos na área do scrpabooking. E é tão gratificante ver como através de um pedaço de cartão prensado e umas quantas cartolinas livres de ácidos se fazem nascer peças tão bonitas quanto esta, embora eu seja suspeita. Eu ando absolutamente maravilhada fascinada com este mundo. Se me querem ver feliz dêem-me umas quantas folhas de papel e verão o quanto me fazem feliz!