sexta-feira, agosto 12, 2005

Como se sente hoje a minha alma...

Estes dias foram cheios de precalços... Dei comigo a realizar reflexões pessoais, acerca da vida, da forma como interagimos uns com os outros, dos relacionamentos, da família e dos meus próprios actos.
Enfim tomei consciência de mim mesma, ou seja, do meu espaço do meu corpo.
Concluí que a vida é como uma casa, os tijolos vão sendo colocados um a um. Se o tijolo não for sólido, que acontece? O tijolo cai, não é verdade?!
Então a solução da minha vida é arranjar tijolos mais sólidos para não colocar os meus sonhos por terra...

1 comentário:

N_com_Z disse...

Já sabes que se precisares de ajuda com os tijolos eu tou aqui!
Muitos beijos da companheira amiga palhaça Miss Limonetes

2018: 365 novas oportunidades

E assim de repente, apeteceu-me simplesmente voltar...