quarta-feira, novembro 26, 2008

Só porque hoje alguém me fez lembrar...

Que o sonho comanda a vida...

Pedra Filosofal

Eles não sabem que o sonho

é uma constante da vida

tão concreta e definida

como outra coisa qualquer,

como esta pedra cinzenta

em que me sento e descanso,

como este ribeiro manso

em serenos sobressaltos,

como estes pinheiros altos

que em verde e oiro se agitam,

como estas aves que gritam

em bebedeiras de azul.

eles não sabem que o sonho

é vinho, é espuma, é fermento,

bichinho álacre e sedento,

de focinho pontiagudo,

que fossa através de tudo

num perpétuo movimento.


Eles não sabem que o sonho

é tela, é cor, é pincel,

base, fuste, capitel,

arco em ogiva, vitral,

pináculo de catedral,

contraponto, sinfonia,

máscara grega, magia,

que é retorta de alquimista,

mapa do mundo distante,

rosa-dos-ventos, Infante,

caravela quinhentista,

que é cabo da Boa Esperança,

ouro, canela, marfim,

florete de espadachim,

bastidor, passo de dança,

Colombina e Arlequim,

passarola voadora,

pára-raios, locomotiva,

barco de proa festiva,

alto-forno, geradora,

cisão do átomo, radar,

ultra-som, televisão,

desembarque em foguetão

na superfície lunar.


Eles não sabem, nem sonham,

que o sonho comanda a vida,

que sempre que um homem sonha

o mundo pula e avança

como bola colorida

entre as mãos de uma criança.


Para ouvir aqui

terça-feira, novembro 25, 2008



Ainda não tenho o tempo para escrever, para me dedicar ao blog e a outros projectos que tenho em mente e tenho pena...
Tenho pena, porque as horas e os dias passam a correr e eu sinto uma falta imensa e profunda de tudo isto. E quando olho para trás, o tempo passou e não volta mais...
As ideias vão-se acumulando, que nem folhas de Outono que caem e se aconchegam umas à outras no chão.
Às vezes chego até a sentir-me fustrada, não porque o tempo é mal gerido, antes pelo contrário, tenho é coisas em mente a mais para o meu tempo.
Mas não quero que de modo algum, este blog se encha de lamentos...





domingo, novembro 16, 2008

Paleta de cores outonais




Como eu adoro estes tons...
Fazem-me andar ora de olhos postos no céu, ora de olhos nos imensos tapetes de folhas secas que vão aparecendo pelo chão...

Costumo guardar algumas das folhas mais bonitas que encontro em livros antigos...

Nick Drake -Pink Moon

domingo, novembro 09, 2008

To inspire


Um dia deste, quem sabe, tenho um tempinho para fazer uma para mim.

quarta-feira, novembro 05, 2008

Quando o carteiro bate à porta...


É bom chegar a casa, depois de um dia cansativo e ser contemplada com um embrulho como este que a Lena me enviou... Fiquei maravilhada com toda a cor esplendor que le continha. Obrigada Lena, adorei cada detalhe.

terça-feira, novembro 04, 2008