sexta-feira, março 11, 2011

Cinza*

O dia amanheceu cinzento. A Zara espera pacientemente do alto do cadeirão virada para a janela que o Sol chegue, mas parece-me que hoje vai tardar, ou então teremos jus ao provérbio" Março, Marçagão manhãs de Inverno tardes de Verão".


A Zara encontra-se em recuperação de uma cirurgia de esterilização. Desde que lhe foi retirado o funil de protecção para não lamber a cicatriz, sinto-a mais feliz, mais no seu estado normal, embora já muito mais calma.
Sinto que o dia de hoje tem de ser levado a um ritmo mais brando e mais calmo, sem pressas, sem correrias.
Ando a pesquisar algumas riscos de bordados vintage, para bordar nas fronhas e lençóis. A verdade é que fiquei maravilhada com a variedade e versatilidade dos esquemas, acho que me esperam largos serões de agulha na mão. Outros serão no entanto desenhados por mim.

Riscos retirados da web

Mas nem só de momentos crafts é feita a minha vida. Tenho a meu cargo todas as tarefas domésticas que uma vida a dois (e brevemente a três mais dois gatos) incube: arrumar, lavar, passar a ferro, tratar dos gatos, cozinhar, planear as refeições, fazer compras e uma infinidade de outras tarefas.
Nem sempre é fácil manter tudo organizado como queremos, primeiro porque muitas das vezes o corpo também me pede para parar e descansar, outras vezes porque deixo algumas tarefas menos agradáveis para amanhã, ou até mesmo porque estamos a fazer tarefas que nem sempre se conseguem a ver a olho nu. Vida de doméstica é um bocadinho ingrata, já que quando está tudo arrumadinho, temos quase que de seguida voltar a desarrumar tudo para começar outras tarefas, mas a vida é assim mesmo. Possivelmente se não fosse assim, não poderíamos ter momentos tão agradáveis.
Sobre a minha pegada ecológica que é umas das minhas resoluções para este ano, acho que tenho conseguido alguns fins bem ecológicos:
- estamos a usar mais guardanapos de pano do que os guardanapos de papel, que apenas são utilizados quando recebemos muita gente em casa;
- fazemos a separação do lixo (papel, rolhas, tampas, latas, embalagens de plástico e de esferovite, vidro...) e o lixo orgânico e restos de comida são aproveitados para a alimentação dos galináceos que existem em casa dos meus pais;
- as caixas de gelado, depois de devidamente lavadas são usadas como taparuer, muitas vezes estão presentes no congelador devidamente etiquetadas para guardar salsa picada, quando esta abunda, caldo verde, raspa de limão ou de laranja, agriões para sopas, etc.
- da roupa velha aproveitamos para fazer coisas novas, ou em ultima instância em panos de limpeza;
- os detergentes de limpeza estão a ser substituídos gradualmente por detergentes ecológicos (vinagre, água e bicarbonato de sódio);
- a máquina de roupa é usada só quando à roupa suficiente e se possível em programas de baixa temperatura;
- a máquina de lavar louça é sempre utilizada com a carga completa e no programa eco;

E vocês o que estão a fazer para diminuir a vossa pegada ecológica?

2 comentários:

Deva disse...

Máquina de lavar só duas vezes tb em baixas temperaturas, detergentes maior parte marcas brancas, reciclagem, restos de comida aproveitam-se e fazem-se novas receitas, lâmpadas de alto rendimento, pensar antes de comprar e gastar... etc, etc,....
Beijo*

Sandra de Sá disse...

:) Obrigada pela partilha das tuas intenções na diminuição da pegada ecológica. São pequenos "nadas" que no meio de muitos são grandes aliados do ambiente. ***