segunda-feira, novembro 28, 2011

segunda-feira, novembro 21, 2011

*.*.* 2+1 = 3 *.*.*


Depois de estar embrenhada em amamentar, mudar cocós e xixis, colocar roupa para lavar, estender roupa, dobrar roupa, passar a ferro entre outras infinidades de tarefas, que às vezes (bem, a maior parte das vezes, para não dizer sempre!) fazem com que os dias me pareçam intermináveis e repetitivos vezes sem conta, lá consegui um bocadinho de tempo para vir escrever um pouco.
Chove desmesuradamente! E eu sinto que estou tão "precisada" de uma pausa!
O Tomás cresce a olhos vistos. Brevemente vai completar quatro meses, ai como o tempo passa a correr... Contudo posso dar graças por poder acompanhar o seu crescimento e que sensação boa que é! Apesar de me absorver praticamente o tempo todo, este meu novo papel, enche-me o coração. É um papel novo para mim, cheio de dúvidas e incertezas, mas vou prosseguindo seguindo o que o meu instinto materno me vai dizendo. E há algo que me diz para aproveitar ao máximo estes momentos pois eles passam bem depressa e há tanto para absorver deles. Sinto que não quero deixar passar nada em branco, quero registar sempre que possível e participar das vivências dele.
Ainda não consegui orientar-me do melhor modo nas tarefas todas cá de casa, digamos que ando em modos do vai-se fazendo quando e como se pode. As rotinas continuam ainda alteradas e vejo-me muitas vezes sem tempo, sem tempo para os outros e até mesmo para o H. Às vezes parece que este novo papel me suga toda a energia física e emocional, não que seja mau de todo, mas por vezes uma mãozinha extra dava uma grande ajuda [não é verdade H?!]. Contudo, fico na esperança que brevemente as coisas se componham, não como antes, mas numa nova versão de dois mais um, igual a três.
Agora vou aconchegar-me na cama (que já está quentinha) a escutar o som da chuva, à espera que a minha rotina de mãe volte a iniciar-se. Uma boa noite para quem aqui passa!

terça-feira, novembro 15, 2011

...

Já é madrugada! Aproveito o silêncio da casa, e o fato de todos já estarem a dormir para escrever um pouco. Lá fora a chuva cai desmesuradamente, como se não houvesse amanhã. Os dias de chuva deixam-me melancólica.
Tenho imensa vontade de escrever, mas simplesmente sinto-me cansada. Acho que ainda não consegui coordenar bem os meus horários com tudo o que tenho para fazer.

sexta-feira, novembro 04, 2011

♥ 4 anos e 7 meses de nós ♥


♥ 4 anos e 7 meses de nós ♥

quinta-feira, novembro 03, 2011

Arrumar as gavetas e outros afins...


Novembro chegou e com ele vieram as chuvas e trovoadas de Outono, que mais fazem lembrar um temporal de Inverno. Gosto de dias de chuva, quando simplesmente posso ficar em casa, envolta nos meus afazeres, ou então quando estou no aconchego dos lençóis e fico a escutar as melodias das gotas de chuva a cair...
Novembro chegou também com mudanças de hábitos e de estilos de vida que quero operar, não porque alguém o fez, ou porque está na moda, mas simplesmente porque sinto que tenho de o fazer e é importante e urgente fazê-lo. Não sei bem por onde começar, mas provavelmente irá ser por aqui a ler o livro da Rita Domingues "Guia rápido para simplificar a vida", que pode ser encontrado aqui e por uma ou outra tarefa doméstica para começar. Estou a precisar de arrumar as gavetas cá de casa e as gavetas da minha alma, por isso acho que vou começar pelo físico para depois chegar ao plano espiritual daquilo que quero.
Outra mudança que comecei e tenho de continuar a operar é a gestão de tempo. Com a chegada do Tomás o meu tempo livre tornou-se mais escasso, isto porque tenho principal objetivo passar tempo de qualidade com ele e porque também tenho outras milhentas tarefas domésticas a meu cargo, por isso tenho de disciplinar o meu tempo.
Uma coisa que tenho feito é escrever as tarefas, projetos que tenho de desenvolver ao longo do dia e outras (os) ao longo da semana, para que não fiquem esquecidas(os) e para que fiquem no enfoque daquilo que quero fazer. Não escolhi nenhum caderno especial, escrevo-as nas páginas da minha agenda em que não escrevi nada, e à medida que as vou fazendo vou riscando-as e fico assim, com a emoção de ter uma missão cumprida!

O meu objetivo é atingir o minimalismo de um modo pessoal e adequado ao meu/nosso estilo de vida em família:

Minimalismo s.m. tendência para simplificação e redução dos elementos constitutivos de (algo); princípio de reduzir ao mínimo o emprego de elementos ou recursos.

N:B.: Não concordo, mas por obrigação profissional e também para me ir habituando à ideia, aos poucos vou introduzindo o novo acordo ortográfico por cá.