segunda-feira, janeiro 30, 2012

Saudades...

* De ter flores naturais numa jarra em cima da mesa.
* De dormir muito.
* De passear por aí.
* De fotografar.
* De ler.
* De correio para ler (sem ser contas para pagar) [alguém se aventura a escrever-me uma carta?].
* De alguns amigos.
* De caminhar por aí.
* De dançar.
* De percorrer lugares com história.
* De encontrar pequenos achados.
* De encher os olhos de verde.
* De viajar.

Mas prometo que um dia destes ponho fim a estas saudades!


quarta-feira, janeiro 25, 2012

OPP: organizar, poupar e planear


Organizar, poupar tempo e dinheiro e planear são, cada vez mais, palavras de ordem na minha vida.

Mas devo andar tão distraída, que nem me dei conta [ não tinha dado conta] de que as magnólias estão já em flor!

terça-feira, janeiro 24, 2012

Consciência ecológica



Mais atitudes verdes cá por casa:
- o uso de fraldas ecológicas tem-se revelado um verdadeiro sucesso cá por casa!
- deixei de usar amaciador de roupa! (e não nota grande diferença ao passar a roupa)
- não volto a comprar detergente para o chão, uso umas gotas de líquido da louça, se deixa a louça sem germes e limpa, porque não usar no chão também!
- uso frascos de vidro para guardar farinhas, cereais, sementes e outras coisas mais!
- estou a juntar as rolhas de cortiça para fazer um tapete de saída do banho.
- recuperar para um balde, a água fria que sai do chuveiro até chegar a quente para o banho e claro, dar-lhe outros usos (colocar as fraldas sujas de molho, regar plantas, lavar o chão...)
- usar um pano de microfibra molhado em água e bem torcido para limpar o pó.


segunda-feira, janeiro 23, 2012

Casa arrumada

Assim de repente, parece que consegui estabelecer mais alguma organização no meu tempo e por entre os afazeres de mãe e de tarefas domésticas, tive algum tempo livre para me dedicar a pequenas costuras pendentes. Agora de casa arrumada, vou estender uma máquina de roupa e aproveitar enquanto o Tomás faz uma sesta para dar aso a alguns projetos que estão ali alinhavados. Espero brevemente voltar com fotos dos mesmos.


  Casa Arrumada

Casa arrumada é assim:

Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa
entrada de luz.
Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um
cenário de novela.
Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os
móveis, afofando as almofadas...
Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:
Aqui tem vida...
Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras
e os enfeites brincam de trocar de lugar.
Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições
fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.
Sofá sem mancha?
Tapete sem fio puxado?
Mesa sem marca de copo?
Tá na cara que é casa sem festa.
E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.
Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.
Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,
passaporte e vela de aniversário, tudo junto...
Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.
A que está sempre pronta pros amigos, filhos...
Netos, pros vizinhos...
E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brincou namora a qualquer hora do dia.
Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.

Carlos Drummond de Andrade (1902-1987)

domingo, janeiro 22, 2012

♥ A árvore da vida ♥




“... Do nada fostes criado... Amor briguento... Ódio amoroso... Luz escura... Sombra fulgurante...”.  Shakespeare

Um serão de cinema com um filme que primeiro estranha-se depois entranha-se!

sábado, janeiro 21, 2012

Do what you love!

Aproveitando, o facto do Tomás ainda estar a dormir, vim aproveitar esta manhã fria de sábado para colocar a minha leitura de blog em dia e para anotar algumas ideias que trazia comigo e que queria passá-las para um dos meus cadernos de registos, que há muito estão meios abandonados, por falta de tempo e não só!... Quando por feliz coincidência, chego ao blog da Graça Paz e me deparo com o post dela, "Pensar no Papel" e com a partilha deste vídeo:

The Holstee Manifesto Lifecycle Video from Holstee on Vimeo.

É caso mesmo para dizer que foi uma feliz coincidência e uma sintonia de pensamentos única. Dou conta que o tempo passa tão depressa e que eu tenho necessidade de lhe impor um travão e escolher bem aquilo que quero fazer, aquilo que quero da minha vida e consequentemente para a do meu filho. Há momentos da nossa vida, em que temos de colocar um basta e prosseguir, mesmo que nos chamem de egoístas e de injustos, mas se eu não estou feliz, satisfeita não posso simplesmente ficar de braços cruzados, tenho de ir à luta, mesmo que tenha que levar com o reverso da medalha.
E há tanto que quero fazer, viver e mostrar também ao meu filho e sinto que se não o começar a fazer agora neste momento, possivelmente já não irei a tempo. E a vida prossegue feita de escolhas... A minha seguramente é viver incessantemente, aproveitando ao máximo tudo o que de bom a vida tem para nos dar!
Quero chegar ao fim do dia deitar a cabeça sobre a almofada e exclamar que valeu a pena, de consciência tranquila.
Agora, vou até ali simplesmente passar para o papel! Tenham um bom dia!

domingo, janeiro 15, 2012

A luz dos meus olhos!


Como é já habitual por aqui os dias são de grande azáfama e conseguir conciliar tudo o que se tem para fazer torna-se na maioria das vezes um grande desafio. Conclusão tenho mais coisas para fazer do que tempo disponível para as mesmas.
Esta semana fomos brindados com uma ida ao pediatra que trouxe uma novidade muito especial para o Tomás: a introdução de sopa. E assim, desde terça feira, que o Tomás iniciou o seu almoço com sopa: creme de cenoura e não é que gostou?! No fim como é habitual pediu maminha da mãe, não sei se por "fome" ou se por aconchego e segurança, ou então por ambas. Mas até agora esta experiência corre muito bem!
Dos 5 meses que tem, ri imenso, dá gargalhadas, gosta de música e de dançar agarradinho.
Descobriu os pés e as mãos e explora-os como se não houvesse amanhã! Mete tudo na boca! Fica já um bocadinho mais de tempo de barriga para baixo.
Dorme de lado e quase que rebola...
Dá guinchinhos a pedir atenção e palrar é com ele!
Sorri muito!
Estica-se todo para tocar nos gatos e palra muito quando os vê!
Adora mexer em papéis! E gosta de ver livros.
Gosta de ver outros bebés e já interage.
Na hora do banho, ri, bebe a água que lhe escorre no corpo e tenta colocar-se de pé!
As roupas deixam de lhe servir rapidamente, da última vez que foi pesado estava com 9,635kg.
Está a crescer tão depressa...

segunda-feira, janeiro 09, 2012

Plano de ação: minimalizar


A ideia de minimalismo e simplicidade já andava a pairar sobre a minha cabeça, mas depois de ter lido este livro, da Rita Domingues decidi dar aso às minhas resoluções, e uma delas envolve a simplificação da minha vida no sentido de me minimalizar a nível de objetos físicos para depois fazer esse processo a nível pessoal e do meu imago.
A minha necessidade de simplificar surge pela necessidade de espaço, de ter menos coisas para limpar e arrumar, por preocupações ambientais, para dar lugar a outras coisas novas, por economia, por gestão do meu tempo e por transmissão de valores que quero dar ao meu filho. Para isso estabeleci um plano de ação, baseado no livro "Guia para simplificar a vida" que passa pelos seguintes itens:

1. Finanças:
. registo de gastos num ficheiro de excel;
. uso de cupões de desconto nas compras;
. aproveitar as promoções;
. fazer lista de compras (comprar apenas o que é essencial, ou seja com consciência);
. abrir uma conta para o Tomás.

2. Gestão do meu tempo:
. rotinas diárias - anotar as tarefas a desenvolver diariamente, semanalmente e mensalmente;
. atualizar sempre a agenda.
. estabelecer um horário no computador (só em cofeebreak ou depois das tarefas concluídas);
. delegar tarefas (afinal não posso fazer tudo sozinha);
. criar a minha bucket list ("antes de bater as botas" - inspirado no filme The bucket list.

3. Minimalizar roupas, calçados e acessórios e produtos de maquilhagem:
. fazer seleção: para dar, para reutilizar, pensar, deitar fora;
. Serve? Uso? Gosto?

4. Computador:
. fazer backup's (a ver se consigo fazer isto trimestralmente);
. eliminar ficheiros e programas que não uso;
. organizar pastas e documentos;
. atualizar programas.

5. Papeladas e outros afins:
. digitalizar;
. organizar em dossier os documentos que estritamente tenho de ter em suporte de papel (contas, contratos, IRS, garantias, etc);
. aderir a faturas eletrónicas.
. organizar as receitas de culinária soltas numa caixa arquivadora.

6. Compras:
. fazer listas de compras.
. comprar só o que é oficialmente e estritamente necessário.
. em tempos de saldos comprar com consciência.

7. Espaços da casa:
. mantê-los funcionais com o minimalismo possível;
. organizar melhor os espaços;
. delegar tarefas na questão de organização e arrumo.

8. Crafts:
. reduzir o impulso de comprar;
. só renovar stock se necessário;
. gastar ou disponibilizar o material que tenho a mais ou que não uso;
. não guardar restos de material que provavelmente sei que nunca iria utilizar.
. acabar projetos iniciados.
. organizar melhor os espaços.


Posto isto, vou fazer a minha to do list para esta semana e começar a atacar no meu plano de ação.
A nível financeiro, já iniciei no ano anterior o registo de gastos num ficheiro de excel e digo que vale a pena fazê-lo e observar bem naquilo em que gastamos o nosso dinheiro. E vocês têm por hábito fazer o mesmo, já pensaram em fazê-lo ou não sabem por onde começar? Fico a aguardar novidades de quem também se meteu nesta aventura.

Um blog para ler com calma: ...mil razões...

sexta-feira, janeiro 06, 2012

E há tanta vida lá fora...




E janeiro parece ser o mês
do verde!

quarta-feira, janeiro 04, 2012

Hoje é o meu dia!



Haverá melhor maneira do que passar o meu aniversário junto daqueles a quem mais amo!? É um aniversário especial, já que é a primeira vez que o festejo como mãe. A idade e o tempo permitem saborear a vida de uma outra forma.
O dia começou com o teu despertar ao meu lado. Os teus olhitos brilharam, no teu rosto iluminado soltou-se uma gargalhada de felicidade assim que me viste e os teus bracitos pareceram querer abraçar-me quando peguei em ti. Que felicidade a minha para mais ainda neste dia! O dia do meu aniversário, que de há uns anos para trás tem sido marcado por momentos dolorosos e negativos. Mas certamente, que tu chegaste para irradiar a minha/as nossas vidas de luz.
O dia prosseguiu de forma caseira.

Preparei um bolo de laranja simples e sem grandes decorações, já que a época tem sido muito doce. Seguiu-se um jantar em família e um casal amigo, onde reinou a boa disposição e a amena cavaqueira... e no final o cantar de parabéns, no qual tive o meu filhote, o meu maior tesouro nos meus braços ao meu lado, enquanto soprava as velas e, claro pedia o meu desejo...

Hoje também comemoramos ♥ 4 anos e 9 meses de nós ♥

segunda-feira, janeiro 02, 2012

Viva 2012! :: resoluções ::


2011 já lá vai! Foi um ano de muitos acontecimentos, mas o mais marcante de todos foi sem dúvida o nascimento do Tomás. Existiram muitos momentos para esquecer, mas também muitos para relembrar.
2012 acabadinho de chegar, espero que me traga uma lufada de ar fresco na minha vida e que seja um ano de mudanças em relação a 2011. Mudanças boas, claro! E à semelhança de outros anos cá seguem algumas das minhas resoluções para este ano [ a lista encontra-se em aberto]:

1. Ano de reencontros: reencontrar antigas amizades.
2. Viver uma vida minimalista.
3. Criar rotinas diárias de modo a organizar os meus dias.
4. Ler mais livros ténicos e outros.
5. Passar mais tempo de qualidade com a minha família.
6. Ir a um concerto de música para bebés com o Tomás.
7. Fotografar os vários momentos de crescimento do Tomás.
8. Fazer um álbum de scrapbook para o Tomás.
9. Ir à praia da Guilheta;
10. Ver as estrelas.
11. Ver mais vezes o pôr-do-Sol.
12. Perder peso;
13. Iniciar a prática de um desporto.
14. Andar mais a pé.
15. Ter uma alimentação mais saudável.
16. Fazer um piquenique.
17. Continuar a implementar a política dos 3 R's lá em casa (reduzir, reutilizar e reciclar).
18. Fazer os exames anuais de rotina: análises, ecografia, saúde oral.
19. Voltar a andar na minha pasteleira.
20. Dar continuidades aos meus diários gráficos.
21. Organizar os meus materiais craft.
22. Acabar com os projectos e wips pendentes.
23. Ter uma mini-horta de ervas aromáticas na marquise.
24. Organizar papéis.
25. Digitalizar documentos de modo a eliminar papeladas desnecessárias.
26. Abrir uma conta poupança para o T.
27. Aderir a faturas eletronicas sempre que possível (finalidade, menos papéis para arquivar, menos árvores derrubadas).
28. Continuar as minhas costuras.
29. Fazer um registo fiel de todos os gastos mensais da economia lá de casa.
30. Manter a agenda atualizada.
31. Ir a eventos culturais.
32. Passar um fim de semana em Lisboa, a fim de visitar tudo o que pretendo.
33. Rir mais.
34. Organizar atividades para fazer com o T.
35. Participar num encontro de tricot.
36. Voltar a actualizar o meu blog.
37. Ir à piscina com o T.
38. Preparar jantares temáticos.
39. Reunir-me em serões com amigos.
40. Explorar mais o meu sentido de home styling.
44. Enviar postais de Natal.
45. Fazer presentes handmade para oferecer.
46. Habituar-me a escrever de acordo com o novo acordo ortográfico (já que a minha profissão também me obriga a isso mesmo).
47. Fazer um backup dos documentos do meu computador.
48. Preparar o batizado do T.
49. Fazer a toalha de batismo do T.
50. Voltar a pintar as unhas com as minhas cores de eleição.
51. Mimar-me mais e cuidar mais de mim.
52. Ter por dia 15 minutinhos de introspeção para mim.
53. Comer sushi mais vezes.
54. Voltar a preparar refeições goumet.
55. Jantar à luz das velas.
56. Manter o blog Retalhos da Memória atualizado.
57. Ter mais pensamentos felizes e positivos.
58. ...