quinta-feira, março 29, 2012

Scrapbook

A cabeça fervilha de ideias, o mundo da  internet acerca de scrapbook é algo empreendedor e inspirador. Mas também cheguei à conclusão que quanto mais via, mas me sentia incapaz de colocar mãos à obra por causa de tantas ideias e tantas inspirações. Um coisa é certa, eu não queria, nem quero um álbum de fotografias para o Tomás tradicional, quero sim um álbum em que sejam representados alguns dos momentos da sua vida, ou álbum sem fim, aos quais se vai acrescentando elementos do quotidiano, como por exemplo o seu primeiro desenho, a sua primeira tentativa de escrever o nome, o bilhete de uma ida a um espetáculo, um bilhete de comboio entre tantas outras coisas que se podem combinar.
É também sabido que o material de scrapbook é muito caro e alguns escasseiam por cá mesmo. Assim num modus use what you have comecei  finalmente a desenvolver o que queria, a passo e passo, porque isto vai ser moroso, oh se vai e é algo para se fazer sem pressa e aos poucos. Quem sabe consiga fazer uma página por semana.

terça-feira, março 27, 2012

Livro de pano



Aproveitando alguns pedaços de tecido únicos que existiam cá por casa, realizai um livro de pano para o Tomás. Em algumas das folhas inseri enchimento e pequenos guizos e noutras plásticos (que reutilizei do "lixo" cá de casa, entenda-se sacos dos pacotes de arroz, de bolachas e outros) de espessuras diferentes e algumas fitas costuradas na capa. 
Quanto ao quiet book que estou a elaborar também, esse vai sendo realizado a passo de caracol, mas com francos progressos, brevemente levanto mais um pouquinho do véu de algumas páginas. Para já aqui fica o livro de pano do Tomás, que já foi aprovado pelo mesmo!

segunda-feira, março 26, 2012

Do fim de semana



Os dias de Sol pedem que se saia de casa!
 Pedem fotografias dos esquissos de Primavera que estão pelos jardins...




Pedem convívios, ar fresco, sol e muitas fotografias de nós...





terça-feira, março 20, 2012

☼ Olá Primavera!

Um pouco mais ausente por este lado do blog, mas tenho tentado aproveitar o tempo que me resta para fazer tarefas caseiras de modo a organizar aqui o lar, pois já entro em contagem decrescente para retomar o meu trabalho e há que aproveitar para deixar tudo organizado, porque depois é que o tempo vai escassear.

Ontem foi dia do Pai, por cá celebrou-se o primeiro dia do pai do H. com um presentinho feito por mim e pelo Tomás para acompanhar o pai todos os dias. Aqui fica a sugestão, no caso de alguém querer repetir a façanha.
O mais difícil foi estampar as mãos do Tomás, já que insistia em fechar a mão cheia de tinta azul. Foi uma experiência nova para ele, mas parece-me que o que mais gostou foi das pinceladas de tinta na mão.

Hoje começa a Primavera!
Há novas sementeiras a serem preparadas cá por casa e organização de novos cantos.




Algumas costuras que estavam em wip estão prontas outras a serem alinhavadas e outras com vontade de serem começadas, mas prometi a mim mesma que não poderia ser!


 (o blogger teimou em colocar a foto assim, e não consegui alterar para a vertical)


Na cozinha experimentam-se novos sabores marmelade de limão, cuja receita veio daqui . E para acompanhar os frascos nada como fazer etiquetas online lindas e completamente gratuitas, podem ver aqui em jam labels. As fotos dos  meus frascos ficam para depois. Ainda espero fazer mais uma dose do lemon curd para aproveitar os limões biológicos que tenho e claro fazer as delícias de alguém que o adora.


quinta-feira, março 15, 2012

Quem não quer ver estrelas...



... que não olhe para o céu!

quarta-feira, março 14, 2012

Poupar, organizar e outras cenas da gestão doméstica!

Falar da crise, virou moda! ?

Tinha cá  um bichinho a roer-me por dentro e pensei já muitas vezes em escrever este post. Se por um lado tinha receio de ferir algumas susceptibilidades por outro não queria que fosse mais um post "igual" tematicamente falando a tantos outros que povoam por aí pela web, ou em cada página de jornal, revista que abrimos e até mesmo na TV.
Imagem retirada da net

No meio de tudo isto, é só lamentavel que tenhamos de chegar ao estado em que o país está para despoletar na maioria das pessoas uma onda de organização e poupança dos bens essenciais aos mais supérfluos.
Fui educada a poupar e especialmente a não estragar! Por isso sempre tentei reger a minha vida doméstica com os valores que foram transmitidos pelos meus pais.
Contudo, quiçá isto não leve a refletir a todos um pouco melhor e provoque uma nova revolução na tábua de valores que queremos transmitir à gerações futuras.

Por isso cá seguem algumas indicações da gestão doméstica cá de casa:
 
Compras:
Antes de fazer compras, a meu ver há dois itens a ter em conta: comprar apenas o essencial e aproveitar as promoções (com moderação).
Nas minhas compras utilizo sempre uma lista de compras, que permite-me organizar melhor aquilo que vai faltando cá por casa. Normalmente, anotava num papel que fixava na porta do frigorífico, e que depois levava comigo e ia riscando o que faltava. Recentemente criei a minha lista de compras num documento word, plastifiquei-a e escrevo nela com uma caneta de acetato. Assim poupo tempo, e papel, pois posso sempre reutilizá-la, basta para isso limpá-la com um pouco de alcool.
Fico sempre atenta aos vales de desconto que vou pedindo pela net e outros que surgem por indicação nas próprias embalagens de produtos (procurem na net, pois há imensos sites já a dar indicações para isso mesmo!). Costumo sempre pedir amostras dos produtos aos fabricantes, assim antes de comprar o produto posso sempre testá-lo a fim de saber se é do meu agrado ou não.
Quando são produtos que uso bastante e que têm um prazo de validade bastante alargado eu compro sempre a mais e faço um pequeno stock cá em casa. São exemplo disso, neste momento, o detergente para a máquina de lavar roupa, e louça, toalhitas de bebé e o azeite.

Gestão de gastos

Tenho por hábito anotar todos os gastos feitos mensalmente num ficheiro excel. Assim consigo saber exatamente aonde é que foi gasto mais dinheiro e se houve algum deslize mais excêntrico e em quê. E claro se num determinado mês houve algum gasto mais exagerado, no mês seguinte há que tentar cortar em alguns gastos para conseguir poupar mais algum.

Preparação de refeições

No momento da preparação das refeições, tento sempre ter em conta as quantidades e se porventura há alguma sobra, essa é guardada no frigorífico ou congelada e normalmente é reaproveitada para fazer um outro prato. Todas as sobras de cascas de legumes e de restos de comidas são guardadas e são levados para casa dos meus pais para contribuir para a alimentação dos animais que criam por lá, galinhas e coelhos e em outro tempos já tiveram patos também.
Quando tenho um "excesso" de algum alimento  porque comprei a mais em promoção, porque me deram tento sempre aproveitá-lo ao seu expoente máximo. Por exemplo a salsa, costumo ter alguma guardada dentro de um saco fechado a restante lavo-a muito bem e depois pico-a e congelo-a. Assim há sempre salsa picada para utilizar em qualquer prato. Se há determinados legumes a mais, preparo-os para serem congelados, para posteriormente serem confecionados.
Se há sobras de pão podem ser usadas para fazer pão ralado ao qual podem adicionar também ervas aromáticas.
Os iogurtes, o pão, bolos e bolachas costumam ser preparados cá em casa, além de serem ao nosso gosto pessoal, sempre ficam mais saudáveis e económicos!

Organização das tarefas domésticas e outras

Após a maternidade a organização das tarefas domésticas levou uma grande volta. No início foi complicado conseguir conciliar tudo sozinha. Consegui nomeadamente alguma ajuda com a criação de uma lista to do. Ao início de cada semana numa agenda que me foi oferecida faço uma lista de tarefas que me proponho a desenvolver ao longo dessa semana. Por cada tarefa realizada eu vou riscando e as que não foram realizadas passam para a semana seguinte e por aí adiante. Tenho constatado que a maioria das tarefas acabam mesmo por ser realizadas, mesmo aquelas menos agradáveis, pois sabe tão bem iniciar a semana com uma lista to do completamente em branco sem assuntos pendentes. Experimentem!


A temática da gestão doméstica é muito vasta, por isso para não vos aborrecer muito mais com um post demasiado longo, outras dicas ficarão para um segundo post.
Se houver aqui alguém interessado nos documentos que aqui falei, lista de compras, ficheiro de excel para gestão de orçamento, podem solicitá-los aqui na caixa de comentários e não se esquecem de  deixar o vosso email que depois eu vos farei chegar a documentação.
Sintam-se convidados a deixarem as vossas dicas também!



segunda-feira, março 12, 2012

Uma dose de boa energia

Aproveitando os dias bons que se têm feito sentir, estou decidida a iniciar um novo plano alimentar (não de dieta, apenas algo mais repensado e melhorado, a pensar em aproveitar o que de melhor a natureza nos dá) a associar a algumas caminhadas ao longo da marginal.
Para começar:

Sumo de beterraba, cenoura e laranja

1 beterraba pequena descascada e fatiada
1 cenoura com casca bem lavada
 sumo de 3 laranjas + polpa da laranja sem pevides
sumo de 1 limão + polpa do limão sem pevides
300 ml de água

Coloca-se a beterraba a cenoura e os sumos do limão e da laranja com as polpas no liquidificador e deixa-se até desfazer completamente. Junta-se por fim a água e mistura-se bem. Serve-se fresco, quem quiser pode adoçar com mel ou açúcar mascavado. Eu prefiro-o no natural.

N.B. : Se após uma refeição onde comeu beterraba, a sua urina ou as fezes tiverem uma coloração rosa- avermelhada, não se assuste. É que o pigmento da beterraba não é metabolizado pelo corpo, atravessando todo o aparelho digestivo sem sofrer alterações.

Granola ou Muesli

Nunca gostei muito da granola ou muesli de compra pois acho-os demasiado açucarados e com alguns ingredientes que lhe alteram o seu verdadeiro sabor. É um excelente acompanhamento com leite, com iogurte natural e até remisturado com frutas e dá a sensação de saciação que é excelente. Por isso é uma óptima opção tanto ao pequeno almoço como ao lanche. Procurei pela Internet algumas receitas e acabei por criar a "minha própria receita" e o seu sabor, é excelente! Para quem quiser experimentar:

Granola ou Muesli da Guapa

200 gramas de flocos de aveia
1 punhado de amêndoas laminadas
1 punhado de nozes
2 colheres de sopa de sementes de girassol
2 colheres de sopa de sementes de sêsamo
3 colheres de sopa de sementes de linhaça
2 colheres de sopa de sementes de abóbora
60 gramas de coco ralado
4 colheres de sopa de água
meia colher de sopa de açúcar amarelo
1 colher de sopa de azeite
1 colher de café de essência de baunilha

Num tabuleiro misturei todas as sementes, com os frutos secos e os flocos. Numa taça dissolvi o açúcar amarelo na água com as  gotas de essência de baunilha e o azeite. Em seguida misturei este líquido à mistura seca e envolvi bem, espalhando depois novamente no tabuleiro forrado com papel vegetal. Levei ao forno cerca de 15  a 20 minutos a 150 graus até dourar, de vez em quando abria o forno e mexia as sementes, para que o dourado fosse uniforme. Depois de frio coloquei a granola ou muesli num frasco de vidro hermeticamente fechado.
Pode ainda juntar-se uvas passas, ameixas secas, avelãs, alperces, figos, bagas de gogi, raspas de chocolate de culinária... é só não ter medo de experimentar.

Começar a semana com a sensação de que a Primavera nos entrou dentro de casa!

Apetece vestir a casa com outras roupagens, encher a cozinha de novos cheiros, agarrar nos trabalhos em wip pendentes e acabá-los lá fora ao sol, num jardim, na esplanada ou noutro lugar qualquer. Apetece encher a casa de flores, e sentir a sua vasta fragrância floral.
Abrir as janelas de casa e deixar que a luz e as boas energias emerjam em cada espaço, em cada esquina.
Apetece simplesmente estar lá fora! Boa semana, prometo trazer mais novidades por cá e quem sabe ainda hoje mesmo.

sexta-feira, março 09, 2012

Domesticidade

Há dias que por cá que se anda tão embrenhada na domesticidade, que quase conseguimos entrar em caus com as tarefas e a nossa mente. E quando julgamos que está tudo acabado, é hora de recomeçar de novo. Que dose!! E a minha cabeça dita para fazer uma coisa, quando na realidade queria estar lá fora a passear e a "energizar" com sol.

quarta-feira, março 07, 2012

Pão!!


Adoro pão, acho que herdei isso do meu pai, pois também é um exímio apreciador de pão. Venha ele simples, com manteiga, queijo, compota... Gostamos de todo o tipo de pão, com sementes, branco, integral, de centeio, de mistura...
Então para quem aprecia pão, poder fazê-lo em casa é algo maravilhoso, já que fica sempre mais em conta, do ponto de vista económico e sempre podemos adaptar as receitas ao nosso gosto e variar...
Em casa dos meus pais há o hábito de se fazer broa de milho e de trigo caseira em forno a lenha, uma delícia (podem ver aqui e aqui algumas imagens).
Por cá tem de ser o forno elétrico, ou a MFP, mas também saem bons resultados! Então para quem quiser experimentar aqui fica uma receita de:

Pão com sementes

3 chávenas de farinha de trigo
2 chávenas de água tépida mal medidas
sal q.b.
1 saqueta de fermento para pão /ou fermento de padeiro
2 colheres de sopa de sementes de girassol
2 colheres de sopa de sementes de abóbora
2 colheres de sopa de sementes de sesamo
1 colher de sopa de azeite

Na água tépida dissolve-se o sal. Mistura-se a farinha com as sementes o fio de azeite e o fermento (se for o de padeiro pode ser dissolvido juntamente com o sal na água), depois junta-se a água aos poucos e vai-se amassando até a massa ficar numa bola, nem demasiado mole, nem demasiado dura. às vezes pode ser necessário acrescentar um pouco mais de água ou de farinha. É que muitas vezes as medidas são mais ou menos feitas a olho.  Sova-se bem a massa até que se misturem bem os ingredientes. Depois tapa-se com um pano de algodão e deixa-se a repousar cerca de 2.30h, depois é só fazer pequenas bolinhas que podem ser passadas por sementes (como foram o caso destas) que se colocam sobre um tabuleiro untado de farinha e vão a cozer cerca de 30 minutos em forno médio. Depois é só deliciar-se!


Mais receitas aqui: Na cozinha da Guapa

terça-feira, março 06, 2012

Jardins dentro de casa...






Entre os vasos de ervas aromáticas, a salsa que teimava em não germinar, as petúnias que começaram a florir e os jacintos vão dando o aroma e ar de sua graça. E como eu adoro estes pequenos jardins dentro de casa.

segunda-feira, março 05, 2012

Nem todos os dias são perfeitos...

A semana não se iniciou da melhor maneira. Tive um desmaio repentino, caí não sei como e bati com o meu olho direito não sei bem aonde, resultado tenho um olho negro!
Mas apesar de tudo poderia ter sido bem pior...


domingo, março 04, 2012

♥ 4 anos e 11 meses de nós ♥


♥ 4 anos e 11 meses de nós ♥

sexta-feira, março 02, 2012

Nostalgia...


 Hoje acordei com uma sensação de nostalgia enorme dentro de mim... Explicar de onde vem e o que significa, ainda não fui capaz de encontrar explicação.
Esta música aqui anda em modo de repetição na minha mente.
Nada como começar o dia com um banho bem quente depois de uma noite mal dormida, para dar uma arranjada no esqueleto. A fada dos dentes passou cá por casa para deixar os dentinhos do Tomás rebentar...
As tarefas cá por casa às vezes parecem não ter mais fim!!!

Ainda quero ver se arranjo um tempinho para me sentar a costurar uns wips que já têm um grande tempo de espera. Deixo aqui algumas fotos do quiet book, que estou a preparar para o Tomás, ainda há muitas páginas para preparar, por isso fica aqui apenas um cheirinho.

quinta-feira, março 01, 2012

Olá Março!

O primeiro dia de Março começou com um sol tímido e frio, mas certamente irá tornar-se mais quente para nos encher de calor e luz.
Aproveitei o dia para realizar algumas sementeiras, sim quero ver se volto a ter a minha marquise inundada de flores, ervas aromáticas e outras coisitas mais.
Pela casa fora, os jacintos começam a dar ar de si, assim como os jardins mágicos (como este aqui) que se vão espalhando pela casa fora, dentro de frascos de vidro reaproveitados.
Apetece-me espalhar pela casa um colorido e aconchegante e romântico lifestyle...

life