quarta-feira, março 27, 2013

Dias de chuva

Esta semana quer-se o mais lenta possível, mas os dias parecem querer voar intensamente.
Ao som da chuva, propaga-se pela casa o aroma e o calor de um dos meus chá preferidos, o de frutos vermelhos. Nesta companhia e na manhã silenciosa aproveito para colocar em ordem as minhas listas de afazeres semanais e umas coisas extras visto ter o tempo todo por minha conta. Organiza-se a casa, prepara-se um almoço leve (só para mim) e um jantar mais aprimorado...
O som das gotas fazem-me pegar nas aguarelas e deixam-me fluir melancolicamente pelo papel, enquanto vários tons de cores se misturam... descobri que tenho uma paixão em pintar árvores imaginárias e fantasiosas...
O chá quente aquece-me a alma e por momentos sinto-me mais calma e serena. O T. está na ama para eu poder fazer render um pouco mais o meu tempo, quando regressa o momentos é de todo lhe dedicado. Mas se por um lado me faz bem e me sinto tão precisa de momentos assim para recuperar forças, por outro sinto uma pequena angústia em tê-lo entregue a cuidados de outros que não eu, apesar de lá ser bem tratado... dilemas de coração de mãe, certamente.
Agora vou de novo mergulhar nos meus momentos e afazeres, sem querer saber o que virá depois...


segunda-feira, março 25, 2013

When home feels like home!

Um fim de semana prolongado, ausente de casa e regressar faz-me ter a sensação que home feels like home! Algo que já não sentia há muito nesta terra que me acolheu...
Uma casa na qual ainda faltam alguns móveis, que há caixotes ainda para arrumar e outras tralhas para organizar. Tudo a seu tempo e a seu ritmo, porque trabalhar fora de casa e ainda trazer trabalho para casa, não ter horários exatos de saída, ter um bebé pequenino, que por acaso completa amanhã 20 meses, mais todas as lides domésticas, não há muito por onde se pegue, ou pelo menos eu ainda não consegui, mas adiante. Esperemos que neste pequeno interregno de páscoa as coisas possam ser agilizadas.
Olham-se as paredes vazias da casa, e já há projetos para elas, mas parece-me faltar aquele empurrão para começar.
Contudo é uma casa aonde se vive e onde paira energia positiva apesar de tantas controversas vividas...mas o mais importante foi mesmo descobrir que home feels like home!


sábado, março 23, 2013

Olá primavera

A primavera já chegou e apesar de não vir muito sorridente a mim apetece-me sonhar com pequenos jardins exteriores, repletos de flores coloridas e cheirosas...




http://latimesblogs.latimes.com/home_blog/2009/05/page/3/http://latimesblogs.latimes.com/home_blog/2009/05/page/3/

terça-feira, março 12, 2013

*T*E*m*p*o*

E há um tempo que se me esgota por entre os dedos das mãos, sem que eu consiga controlar. Há muito trabalho profissional e por casa as tarefas vão-se acumulando... E fica uma imensa saudade de reorganizar o meu tempo, de dar organização à casa, de dar tempo aos meus e especialmente dar tempo a mim própria, mas para já não é possível! Vamos lá ver para quando o impossível se torna possível!