sábado, abril 05, 2014

Organização, gestão e balanço do {mês de março}


1. Desenvolvimento pessoal e profissional

    - ler mais livros;
    - escutar mais música;
    - planear atempadamente as atividades profissionais;
    - gerir melhor o tempo ao nível profissional;
    - continuar a usar o spiraldex para perceber como se organiza o meu tempo.
    - planear atempadamente a minha to do list para cada semana

2. Organização e simplificação da casa

     - implementar ou tentar a continuar a implementação das tarefas de rotina diurnas e noturnas;
     - destralhar roupas e acessórios que não se usam;
     - (re)planificar a lista de bens essenciais a comprar;


3. Gestão dos recursos económicos e financeiros

     - efetuar o registo fiel das despesas diárias num ficheiro de excel;
     - pagar a mim mesma um valor mensal fixo para a conta poupança;
     - reduzir o valor mensal da conta do supermercado .

4. Melhoria da condição física e estado de saúde.

    - iniciar um plano de caminhada.
    - iniciar a dieta dos 31 dias, com data marcada a 10 de março!!!
    - Procurar receitas low carb, adaptar as refeições.

5. Avaliação:


* O tempo continua a "consumir-se" entre o meu trabalho profissional e o trabalho de casa/tempo passado com a família. Preciso de ter mais tempo para mim própria e para os projetos que pretendo desenvolver, mas nem sempre é possível.
* Ao nível da organização e simplificação da casa,  ainda há um outro tanto para fazer e para melhorar.  Ainda há tanto para destralhar e separar-me sentimentalmente, in  modus repeat!!!
* A gestão dos recursos económicos e financeiros foi  cumprida, apesar de ter havido ligeiramente um aumento nas compras do  mercado (principalmente em produtos o% de açúcar e legumes frescos)
* O plano de caminhada ficou mesmo pelo plano.
A dieta essa iniciou-se com entusiasmo e força, tem dias que se esmorece um bocadinho, mas já lá vão cerca de 3,500 kg, e é para continuar com este novo estilo de refeições...

Agora toca a planear o mês de abril e prosseguir...

2 comentários:

Flor Guerreira disse...

Talvez seja da idade (já tenho 40) mas já não me proponho metas muito dificeis. A vida tem-se encarregado de me mudar as voltas.

Sandra de Sá disse...

:) Mas temos de ser persistentes! A vida também me muda muitas vezes ou até demasiadas vezes as voltas, mas não posso ficar de braços cruzados...